Fim de semana sangrento: Dois jovens são mortos a tiros e outros dois são baleados em Tucano-BA

Dois jovens foram mortos a tiros na madrugada do último sábado dia (08 Dez. 2018), em Tucano-BA. Os crimes aconteceram em locais diferentes e em um curto intervalo de tempo.

O primeiro homicídio aconteceu por volta das 00h20 mim, no povoado de Brejo do Arroz, zona rural de Tucano, e teve como vítima Manoel Cândido da Silva Júnior, de 22anos.

Segundo informações de populares, “Pimba” como era conhecido, se encontrava com amigos em uma festa no referido povoado, quando foi alvejado por vários tiros de pistola 9mm deflagrado por um indivíduo desconhecido. Ainda segundo populares, após executar a vítima, que morava no povoado de Umburaninha, também pertencente ao município de Tucano, o homicida saiu atirando a esmo no meio da multidão e atingiu mais dois jovens que não tiveram os nomes divulgados, fugindo logo em seguida, em um veículo de dados ignorados.

Atingido em várias partes do corpo, principalmente na cabeça, Manoel Cândido, morreu no local. Já os dois amigos, foram encaminhados para a emergência do Hospital Mariana Penedo, em Tucano e devido a gravidade dos ferimentos, um dos atingidos, foi transferido para uma unidade hospitalar, de maior porte. O estado de saúde de ambos, não foi divulgado.

Segundo homicídio

O Segundo homicídio, aconteceu por volta de 1h, na Rua do Nequinha, no bairro do Rodeador, no centro da cidade de Tucano, quando dois elementos armados e encapuzados, invadiram uma residência e assassinaram com cerca de dois tiros, o jovem Roniclecio Santana Almeida, de 20 anos .

Familiares informaram que, os criminosos adentraram no imóvel, alegando que era um assalto, e ao se deparar com a vítima deitada em um tapete na sala, assistindo televisão, perguntaram como era o nome dele, e ao responder, os bandidos disseram; “ é você mesmo que agente quer”. Foram deflagrados cerca de dois tiros no rapaz, que veio a óbito no local, enquanto os autores fugiram logo em seguida.

Familiares disseram ainda que, além de “Rony”, como era conhecido, se encontrava na casa; a avó e duas tias do rapaz, que ficaram em estado de choque.

Os corpos, foram periciados na tarde deste domingo dia (09 Dez. 2018) e em seguida, removidos para o Departamento de Polícia Técnica (DPT de Euclides da Cunha) para serem necropciados.

Os crimes, estão sendo investigados pela Delegacia de Polícia Civil de Tucano, que tem a frente o Bel. Thiago Cunha.

Fonte: Gil Santos

Deixar uma resposta